Segredos de uma Noite de verão

13:43

Segredos de uma Noite de Verão 
As Quatro Estações do Amor 01
Lisa Kleypas
Sinopse: Primeiro livro da série As Quatro Estações do Amor, esta é uma emocionante história de uma jovem que sai em busca de um marido, mas encontra amizades verdadeiras e desejos intensos que ela jamais poderia imaginar. Lisa Kleypas é autora da série Os Hathaways, que já venderam 100 mil exemplares no Brasil. Seus livros já foram traduzidos para 28 idiomas.
Apesar de sua beleza e de seus modos encantadores, Annabelle Peyton nunca foi tirada para dançar nos eventos da sociedade londrina. Como qualquer moça de sua idade, ela mantém as esperanças de encontrar alguém, mas, sem um dote para oferecer e vendo a família em situação difícil, amor é um luxo ao qual não pode se dar. Certa noite, em um dos bailes da temporada, conhece outras três moças também cansadas de ver o tempo passar sem ninguém para dividir sua vida. Juntas, as quatro dão início a um plano: usar todo o seu charme e sua astúcia feminina para encontrar um marido para cada, começando por Annabelle. No entanto, o admirador mais intrigante e persistente de Annabelle, o rico e poderoso Simon Hunt, não parece ter interesse em levá-la ao altar apenas a prazeres irresistíveis em seu quarto. A jovem está decidida a rejeitar essa proposta, só que é cada vez mais difícil resistir à sedução do rapaz. As amigas se esforçam para encontrar um pretendente mais apropriado para ela. Mas a tarefa se complica depois que, numa noite de verão, Annabelle se entrega aos beijos tentadores de Simon... e descobre que o amor é um jogo perigoso.


Opinião:

Desejo e Preconceito 
Sem nenhum medo de morder a língua, estou considerando Segredos de Uma Noite de Verão o melhor livro da Lisa Kleypas que eu li até agora. O que não significa que eu tenha simpatizado imediatamente com a mocinha... Eu demorei a comprar o “peixe” que a encantadora Annabelle Peyton estava me vendendo no início deste livro. Embora, eu tenha ficado imediatamente encantada por Simon Hunt. Imagino que as protagonistas, que sempre foram o meu “norte”, estejam ficando muito modernas nas novas publicações. Annabelle, uma das solteironas solenemente ignoradas pelos nobres disponíveis, consegue fazer um pacto com outras três jovens, tão desesperadas quanto ela, para arranjar um marido antes de completar a provecta idade de vinte e cinco anos! Simon, um plebeu que conquistou sua fortuna com muito trabalho, inteligência sagaz e audácia, fica encantado por Annabelle, uma mulher distante de sua classe social, e que o esnobava há dois anos, cada vez que se encontravam nos eventos sociais em que ele era esporadicamente convidado. Porém, nada como um dia após o outro, além de um "poço dos desejos" para modificar a roda da vida desses personagens adoráveis. 
A premissa do romance ficou confusa para mim inicialmente, já que a questão financeira é o principal motivo de Annabelle para caçar um marido, mesmo que para isso precise ignorar os aspectos morais e éticos, ou até mesmo os sentimentos envolvidos, então por que fazer tanto doce, quando pessoas importantes de sua família estão em risco? 
Mas, todas essas questões foram prontamente esquecidas quando as coisas "parecem" estar resolvidas. Quando o romance realmente esquenta, o livro fica simplesmente encantador, e sem medo de errar o Simon entra definitivamente para a minha lista particular de melhores protagonistas de romances de época! Eu brincaria de "Simon Says" para o resto da minha vida com ele! Rsrsrsrsrs 
Além do aspecto "fantasia" deste romance, eu gostei como Kleypas adiciona doses elegantes de crítica a um sistema econômico e social à beira do desastre, mas onde as pessoas assentadas em arrogância e hipocrisia segregavam os emergentes que além de abalarem suas convicções ultrapassadas, esfregavam em suas caras empoadas a inutilidade de suas existências. 
Talvez, com a supressão das cenas hots, "Segredos de Uma Noite de Verão" fosse uma forma agradável e didática de se ensinar sobre o início da era industrial e o mercantilismo para a garotada. É apenas uma ideia... 
Sem contar que de longe, em minha opinião, as cenas de amor escritas por Kleypas são as mais bacanas, mesmo que, caso você tenha alguém para colocar em ação os movimentos sugeridos, acabe com sérios problemas de coluna ou em completa desorientação de espaço e lugar!



Por: Sueli

Você pode gostar também:

2 comentários

  1. Lisa Kleypas é uma de minhas autoras favoritas e seus mocinhos são encantadores... Também me apaixonei pelo Hunt logo de cara e jamais faria tanto doce quanto a mocinha, já de primeira teria me rendido, kkkkkkkkk. Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  2. Confesso que o meu preferido ainda continua sendo o Sebastian e a Eve. Adorei como eles se entendem com a timidez, insegurança e sua tartamudez e como aos poucos ela ganha confiança para conquistar alguém tão diferente dela, tão seguro de si, e arrogante como só ele consegue ser.

    ResponderExcluir